sexta-feira, 26 de dezembro de 2014

Prazer imediato? Toca a pôr a imaginação a mexer!

Vi este vídeo com alguma antecipação de que seria um repetir de ideias. A sexualidade é algo que pode ser tão criativamente saudável, embora facilmente se resvale para um extremismo de opiniões (acredito que os extremos nunca são benéficos, mas avancei com o video). 

Francamente, foi muito mais do que isso, aliás, quase nem roçou os argumentos habituais (ou pelo menos, não foi isso que me captou a atenção)...

quarta-feira, 24 de dezembro de 2014

Boas Festas!

Espero que esta época natalícia esteja a ser branda com os ânimos e de grande felicidade! Esta altura aproxima-nos um pouco de tudo: família, amigos, saudades, frenesim comercial, boas intenções e actos de enorme gratidão... É uma amálgama de sentimentos, cansaço, genica, doces, lágrimas e excitações. Tudo bem embrulhadinho, com um grande laçarote, pronto a deixar-nos perplexos e com

domingo, 16 de novembro de 2014

Quer um sorriso relaxante?

Como estão? As vossas vidas andam complicadas? O stress bate à porta com mais frequência do que vos apetece? Até a ansiedade vos brinda nos pequenos momentos do quotidiano, como no trânsito, em filas demoradas, nas lojas cheias de gente mal humorada?... Então vamos falar de relaxamento! Mas em vez das habituais técnicas para descontrair, vamos falar de uma terapia infalível

sábado, 18 de outubro de 2014

Ser filho é ser OUTRA pessoa

Encontrei uma mãe com uma opinião que é uma lufada de ar fresco num mundo em que controlar/mandar/influenciar os filhos é para o que se tem mais jeito. Não querendo com isto dizer que conseguimos. Não conseguimos. E além disso geram-se frustrações por o nosso anjinho não ser o que podia ter sido... Lutos de fantasias de filhos que nunca foram (mas podiam tão bem ter sido!...) colidem com relações saudáveis de partilha e troca de ideias. Estamos assim tão satisfeitos que repetiremos padrões até à exaustão?

terça-feira, 5 de agosto de 2014

Tão fácil ter calma quando a alma não me dói a mim...

E porque foi mencionado num comentário prévio, em jeito de diferentes abordagens às vidas (a nossa e as dos outros), aqui fica uma música muito engraçada e com maior clareza do que possa parecer, dos senhores Anaquim. Isto porque "é fácil ter calma quando a alma não me dói a mim..."

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Trabalhar de Graça, by Teresa Calisto

Hoje faço a partilha de um espaço que gosto bastante. Apresento-vos uma comunicadora nata, que atribui nome às coisas, tal qual como deve ser! Recomendo vivamente que descubram como podem criar e melhorar a vossa marca pessoal com Teresa Calisto. E, embora agradeça a gentil referência que me foi feita neste tema, prometo que

terça-feira, 8 de julho de 2014

5 passos para vir em 1º lugar!

Todos nós temos pessoas difíceis no nosso quotidiano, ou se calhar temos pessoas que tornam o nosso quotidiano mais difícil... De qualquer forma, hoje vamos falar sobre algumas estratégias para lidar com estas pessoas que não são fáceis, mas que, ainda assim, são uma parte incontornável na nossa vida. Há que estar atento que estas pessoas camuflam-se de todos os tipos e feitios: pais, amigos, patrões ou colegas! E a verdade é que pode ser fácil perder o temperamento ou a paciência, sentindo-nos mal com estas relações ou mesmo deixando o nosso quotidiano afectar-se significativamente por atitudes alheias. O ideal é

quarta-feira, 28 de maio de 2014

Palavras sem dó

Recomendo estômago forte para visualizar uma campanha realizada pelo Projecto Weapon of Choice, que vos convido a consultar aqui: http://hurtwords.com/ São imagens limpas, cruas e que traduzem uma realidade muito cruel.

As palavras, uma vez proferidas, não podem ser retiradas. Não podemos ter real consciência do alcance e das consequências do que proferimos e do modo como o outro as recebe e se sente com elas. O abuso verbal é tão grave como

domingo, 25 de maio de 2014

segunda-feira, 7 de abril de 2014

Este longo dia que me dura tão pouco...

E como vai proactividade que supostamente vem "atrelada" à Primavera? Esperemos que bem mais animada que a estação em si mesma, que ainda anda um bocadito confusa com a própria identidade. Hoje resolvi abordar uma questão relacionada com a gestão do tempo, já que somos seres dados à rotina... Assim, quanto mais fazemos, mais activos nos sentimos! Quanto menos fazemos, mais lentos, cansados e sem tempo vamos perceber o quotidiano, a modos que uma espécie de tender para a inércia! Desta forma, venho sugerir que

segunda-feira, 24 de março de 2014

Encontre uma Saída

Felicidade, acompanha o meu caminho!

Chegou a Primavera e, com ela, sorrisos iluminados por um sol quentinho, novos alentos para projectos preguiçosos e uma motivação já esquecida no meio de tanta melancolia e chuva. Este ânimo renovado que esta estação de claridade, novos sons e boa disposição nos traz, faz com que nos sintamos mais felizes. E por isso mesmo, hoje vou abordar este tema tão simples e tão polémico: Será que somos felizes? Como podemos ser mais? Porque que é que ele/ela não me faz mais feliz?! Vamos 

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

E quando a cabeça não tem juízo?

Hoje trago uma curta-metragem (lamento a falta de legendas... acho que ainda assim é bastante compreensível!) que ilustra bem os conflitos interiores que por vezes o nosso cérebro nos leva a ter. Ainda temos a oportunidade de ter um vislumbre de por que é que as mulheres são de Vénus e os homens de Marte (obviamente respeitando excepções, mas é para isso que existem normas!). Bonecos engraçados, sorrisos genuínos e alguma dose de realidade no pequeno filme com que vos deixo!

sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Todos precisamos


A saúde mental é um bem essencial de todos nós. Para cuidarmos bem, é fulcral sentirmo-nos bem. Uma visão peculiar da relação em terapia!